PGM dá continuidade ao procedimento de digitalização de processos e documentos

A Procuradoria Geral do Município de Teresina (PGM) já realizou o procedimento de digitalização de 83 Livros de Aforamento do Município. A digitalização de documentos do Município de Teresina, incluindo Livros de Aforamento e processos físicos que tramitam no âmbito do município, teve início em agosto deste ano.

A Prefeitura de Teresina possui cerca de 160 livros de aforamento que datam de meados do século XIX e, segundo o levantamento realizado para a captura digital dos documentos, o processo resultará em 800 mil imagens de processos físicos e documentos referentes a livros de aforamento da Prefeitura de Teresina.

A digitalização está sendo realizada visando garantir o máximo de fidelidade entre o documento original e a representação digital gerada, levando em consideração suas características físicas e o estado de conservação.

Nesta primeira fase estão sendo digitalizados os primeiros livros de aforamento da capital, datados de 1854. A próxima etapa inclui o procedimento de digitalização dos processos que tramitam na Procuradoria Fiscal.

Para Cláudio Rêgo, Procurador-Geral do Município de Teresina, esse procedimento é essencial para evitar a degradação de documentos antigos, bem como proporcionar melhores condições de consulta dos arquivos da PGM.

“A digitalização dos documentos e processos municipais, além de preservar, vai facilitar o acesso aos documentos, bem como organizar e dar melhores condições de pesquisas. O procedimento de captura digital proporcionará a praticidade de ter arquivos organizados em meio digital e, sobretudo, resgatará documentos antigos, assegurando que arquivos de valor histórico, como no caso dos primeiros livros de aforamento da capital, estejam disponíveis em bom estado de conservação”, destacou.

Manter um acervo digitalizado de documentos e processos do município de Teresina é uma ação que vem sendo realizada em vários órgãos do Executivo Municipal. Além da PGM, este ano teve início o processo de digitalização dos documentos que retratam o histórico dos servidores públicos de Teresina, realizado pela Secretaria Municipal de Administração e Recursos Humanos (Sema).

Fonte: PGM dá continuidade ao procedimento de digitalização de processos e documentos – Capital Teresina

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *